Biblioteca Mestra Griô Sirley Amaro retoma progressivamente o atendimento e atividades culturais. Confira!

A Biblioteca Mestra Griô Sirley Amaro do Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo comunica a retomada progressiva do atendimento e das atividades culturais do espaço. Fechada para atendimento ao público desde março de 2020 por conta da pandemia da Covid-19, a biblioteca comunitária irá reabrir aos poucos seus serviços socioculturais. No entanto, não esteve totalmente parada neste período: recolhida durante o isolamento social, o espaço passou por processos importantes, como o avanço da catalogação e a aquisição de novos acervos de livros, mobiliários e equipamentos, graças ao apoio do Edital de Aquisição de Bens e Equipamentos da Lei Aldir Blanc RS e da Rede Beabah de Biblioteca Comunitárias, da qual fazemos parte.

Com o apoio do projeto Cultura e Economia Solidária – Tecendo Redes pelo Direito à Cidade, realizado através do Edital FAC Movimento, tem sido possível restabelecer a dinâmica de atendimentos ao público, seguindo todos os protocolos de prevenção ao novo coronavírus.

Endereço: Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo, Avenida Capivari, 602 – Bairro Cristal, Porto Alegre, RS. Mapa: <https://goo.gl/maps/fqgs5fJsbhtaA3N89

Atendimento para este final de 2021:

A biblioteca estará aberta para cadastro de usuários, empréstimos e devoluções nos seguintes dias e horários:

  • Quartas-feiras, das 14 às 17 horas.
  • Quintas-feiras, das 14 às 17 horas.
  • Sábados, das 09 às 12 horas.

*Os demais dias da semana são dedicados ao serviço interno e cuidados com o acervo.

Agenda de atividades culturais para este final de 2021:

  • 20/11, das 9 às 13 horas: Oficina de Livros Cartoneros, celebrando o Dia da Consciência Negra. Oficineiro: Leandro Silva.
  • 27/11, das 09 às 12 horas: Mediação de Leitura para Crianças, com Wilian Fraga – Projeto Dobrando Histórias.
  • 04/12, das 09 às 12 horas: Criação de Mala de Leitura.

ATENÇÃO: 10 vagas por atividade. As atividades são gratuitas. Inscrição através do formulário: <https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScEjItRHPpcBifOXF1N4cSaZf4LxUjDgGy75eJBNJS2c4W4IQ/viewform>

Protocolos de atendimento:

Para acessar qualquer serviço ou atividade da Biblioteca Mestra Griô Sirley Amaro, é necessário:

  • Uso obrigatório de máscara;
  • Manter o distanciamento social;
  • Higienizar as mãos, lavando com água e sabão líquido e usando álcool em gel. O espaço dispõe destes produtos;
  • Respeitar o limite máximo de 02 usuários por vez na biblioteca e o teto de 10 participantes por atividade cultural.

Da esquerda para direita, Priscila Macedo (Rede Beabah), Leandro Silva (coordenador) e Leandro Oliveira (bibliotecário/ responsável técnico).

 

Sobre a biblioteca:

A Biblioteca Mestra Griô Sirley Amaro é um espaço ludo-educativo e comunitário de acesso ao Livro e a Literatura, integrante do Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo. Mais que uma sala com livros para ler e emprestar, se afirma como um  espaço de encontros, militância, reflexão e afetos, integrando linguagens artística, como a Contação de Histórias, o Teatro de Bonecos, a Tradição Oral e a Música, e de promoção da bibliodiversidade.

Reinaugurada em abril de 2017 com o nome “Biblioteca Comunitária Mestra Griô Sirley Amaro” em reconhecimento ao trabalho e presença de Dona Sirley no espaço e em todo o Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo, hoje o espaço conta com mais de 1.000 títulos literários, com enfoque em literatura negra, LGBTQIA+, decolonial e voltadas para infância e juventude.

Nossa equipe:

A equipe da Biblioteca Mestra Griô Sirley Amaro é formada por Leandro Silva (coordenador do espaço), Leandro Oliveira (bibliotecário e responsável técnico pelo acervo) e Maria Eduarda Silva (apoio no atendimento). 

Para mais informações, nos contate através do e-mail <bibliotecasirleyamaro@gmail.com> ou pelo WhatsApp (51) 98269-4614 (Leandro Silva).

O atendimento e as atividades culturais da Biblioteca Mestra Griô Sirley Amaro integra o projeto Cultura e Economia Solidária – Tecendo Redes pelo Direito à Cidade, realizado pela Associação Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo com recursos do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, por meio do Pró-cultura RS FAC – Fundo de Apoio à Cultura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + 9 =